fbpx

Outubro Rosa – Servidora faça o autoexame e previna-se do câncer de mama

REGULAÇÃO LIVRE – Senador Izalci Lucas é nosso convidado para dialogar sobre a tramitação da Reforma Administrativa no Congresso
6 de outubro de 2020
Nova Gestão do Sinagências para o triênio 2020/2023
6 de outubro de 2020

O câncer de mama é o tipo mais comum entre as mulheres no Brasil e é responsável por milhares de mortes em todo o mundo, respondendo por cerca de 28% dos novos casos de câncer a cada ano. Sua incidência é relativamente rara antes dos 35 anos, mas cresce progressivamente após os 50 anos.  Existem vários tipos de câncer de mama. Alguns evoluem de forma rápida, outros, não. Felizmente, a maioria dos casos tem bom prognóstico, se diagnosticado precocemente e tratado adequadamente.

Por isso, a importância do auto exame e  da consulta anual com ginecologista ou mastologista e  realização da Mamografia (radiografia da mama), especialmente em mulheres de 50 a 69 anos, conforme recomendação do INCA (Instituto Nacional do Câncer). Este exame permite a detecção precoce do câncer ao mostrar lesões em fase inicial, muito pequenas (medindo milímetros), aumentando a possibilidade de intervenções cirúrgicas menos radicais.

AUTO EXAME –Para examinar a mama esquerda, coloque a mão esquerda atrás da cabeça e apalpe com a mão direita. Para examinar a mama direita, coloque a mão direita atrás da cabeça e apalpe com a mão esquerda. Mamilo – pressione os mamilos suavemente. Verifique se há alguma secreção. Axilas – após examinar as mamas, apalpe toda a área debaixo dos braços.  Existe tratamento para câncer de mama, e o Ministério da Saúde oferece atendimento por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).  Lembrado que o diagnóstico precoce é fundamental no tratamento.

Fonte: Ascom/Sinagências

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato