fbpx

CI VOTA INDICAÇÕES PARA A ANTT NA QUARTA-FEIRA

ANTT VAI CADASTRAR MOTORISTAS INTERESTADUAIS
25 de julho de 2006
MELHORA A QUALIDADE DOS COMBUSTÍVEIS APURA A ANP
1 de agosto de 2006
31/07/2006 – 13h59
Comissão de Serviços de Infra-Estrutura (CI) deverá analisar nesta quarta-feira (2), em reunião marcada para as 10h, a recondução de Francisco de Oliveira Filho (foto) para o cargo de diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O relator da matéria é o senador Leonel Pavan (PSDB-SC). A comissão também deverá apreciar a indicação de Wagner de Carvalho Garcia para exercer o cargo de diretor na mesma autarquia, conforme mensagem que tem como relator o senador João Tenório (PSDB-AL). As indicações serão examinadas em reunião pública, mas a votação dos nomes será secreta.
 
De acordo com relatório elaborado por Leonel Pavan, Francisco de Oliveira Filho é publicitário de formação e exerce o cargo de diretor da ANTT desde 2003. Nesse período, segundo o senador, Oliveira Filho atuou na elaboração de diversos procedimentos operacionais de transporte rodoviário, como a instituição do seguro de responsabilidade civil, a implantação do certificado de registro para fretamento e a emissão de autorizações de viagem pela internet. Ainda de acordo com Pavan, Oliveira Filho também foi responsável pela elaboração do Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas, em 2004.
 
Já o relatório de autoria de João Tenório destaca a atuação de Garcia como coordenador-geral de estudos e pesquisas da Diretoria de Planejamento e Pesquisa do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit), cargo que ocupa desde 2003. O senador pelo PSDB alagoano registrou que Garcia também foi o responsável pela coordenação do Projeto de Restauração e Descentralização de Rodovias Federais, por programas de treinamento e de intercâmbio com organizações nacionais e internacionais e por inspeções e controle de obras.
 
A CI é presidida pelo senador Heráclito Fortes (PFL-PI).
 
Paulo Sérgio Vasco / Repórter da Agência Senado
 

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato