fbpx

Sistemas Regulatórios ganham cada vez mais importância na gestão

Governo vai regulamentar greve no serviço público, diz Secretário da SRH
14 de março de 2009
Agências reguladoras podem ficar ainda mais enfraquecidas
17 de março de 2009

Brasília, 13/3/2009 – O secretário-adjunto de Gestão do Ministério do Planejamento, Tiago Falcão, disse que a regulação de serviços exercida pelo setor público é hoje um dos principais modos de os governos promoverem o bem estar social e econômico de seus cidadãos. Falcão participou ontem da mesa de abertura do seminário internacional “Análise do Impacto Regulatório – Instrumento para o Fortalecimento da Regulação no Brasil”, que ocorre de ontem até hoje no Centro de Convenções e Eventos Brasil 21, em Brasília.

“Os sistemas regulatórios envolvem um número cada vez maior de áreas, no intuito de responder a novos problemas e demandas sociais. Assim, a qualidade da regulação passou a ser fundamental para a efetividade da ação governamental e para o desenvolvimento econômico”, afirmou o secretário-adjunto da SEGES.

Falcão ponderou, no entanto, que apesar de a importância do tema já estar sendo reconhecida, o impacto da regulação ainda é pouco discutido e pouco medido no Brasil: “Por isso sinto uma enorme satisfação em ver todos aqui reunidos para discutir um tema tão caro para a agenda regulatória”, explicou.

O secretário-adjunto lembrou ainda que a Secretaria de Gestão do Ministério do Planejamento executa ações com o objetivo de promover discussões sobre o tema, como a realização do curso “Regulação: Teoria e Prática”, em julho do ano passado. “Além da capacitação teórica com professores vindos da Inglaterra e da Alemanha, o curso propiciou a aproximação entre servidores de agências reguladoras federais, estaduais e municipais, de ministérios supervisores e de órgãos de defesa dos direitos do consumidor”, disse Falcão.

Também participaram da abertura do evento o subchefe de Análise e Acompanhamento de Políticas Governamentais da Casa Civil da Presidência da República, Luiz Alberto dos Santos; o secretário de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda, Antonio Henrique da Silveira; e Stéphane Jacobzone, representante da Organização para Cooperação do Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O evento

A discussão sobre a Análise de Impacto Regulatório é parte de uma agenda mais ampla de aprimoramento do sistema de gestão regulatória no âmbito do Programa de Fortalecimento da Capacidade Institucional para a Gestão em Regulação, o PRO-REG.

O programa é coordenado pela Casa Civil da Presidência da República e conta com a participação da Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae) do Ministério da Fazenda e da Secretaria de Gestão (Seges) do Ministério do Planejamento.

Fonte: Ministério do Planejamento

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato