fbpx

SETEMBRO AMARELO – Mês de prevenção do suicídio

Aspectos regulatórios que podem levar ao crescimento e competitividade do País são temas de live promovida pelo Ministério da Economia
31 de agosto de 2021
Diretores do Sinagências se reuniram com o Conselheiro da ANATEL Vicente Bandeira de Aquino Neto
1 de setembro de 2021

Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. No Brasil, foi criado em 2015 pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), com a proposta de associar à cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro).

O assunto que já foi um tabu muito maior, ainda enfrenta grandes dificuldades na identificação de sinais, oferta e busca por ajuda, justamente pelos preconceitos e falta de informação.

A depressão e a ansiedade são consideradas transtornos mentais cada vez mais frequentes e causam um enorme impacto sobre o bem estar e a qualidade de vida dos indivíduos. De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a quantidade de casos de depressão no mundo cresceu 18% entre 2005 e 2015. Segundo o relatório “Depression and Other Common Mental Disorders” da OMS (2017), cerca de 5,8% da população brasileira sofre de depressão, um total de 11,5 milhões de casos. Esse total é o maior na América Latina e o segundo maior nas Américas, atrás apenas dos Estados Unidos, que registrou 5,9% da população com o transtorno, um total de 17,4 milhões de casos.

As razões podem ser bem diferentes, porém muito mais gente do que se imagina já pensou em suicídio. Segundo estudo realizado pela Unicamp, 17% dos brasileiros, em algum momento, pensaram seriamente em dar um fim à própria vida e, desses, 4,8% chegaram a elaborar um plano para isso. Em muitos casos, é possível evitar que esses pensamentos suicidas se tornem realidade.

A primeira medida preventiva é a educação. Durante muito tempo, falar sobre suicídio foi um tabu, havia medo de se falar sobre o assunto. De uns tempos para cá, especialmente com o sucesso da campanha Setembro Amarelo, esta barreira foi derrubada e informações ligadas ao tema passaram a ser compartilhadas, possibilitando que as pessoas possam ter acesso a recursos de prevenção. Saber quais as principais causas e as formas de ajudar pode ser o primeiro passo para reduzir as taxas de suicídio no Brasil, onde atualmente 32 pessoas por dia tiram a própria vida. Surge então um outro desafio: falar com responsabilidade, de forma adequada e alinhada ao que recomendam as autoridades de saúde, para que o objetivo de prevenção seja realmente eficaz.

O Sinagências  apoia esta campanha e disponibiliza em nosso canal oficial no Youtube palestras realizadas com diversos profissionais e setores envolvidos nesta causa realizadas no mês de setembro de 2020, com o título Sinagências contra a depressão.

Você não está sozinho. Procure uma rede de apoio. Acesse : https://www.setembroamarelo.org.br/

Fonte: Ascom/Sinagências

 

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato