fbpx

GERENTE DA ANVISA ACUSA INTRANSIGÊNCIA

PESO DO MOMENTO FEZ MOVIMENTO DEMORAR
1 de maio de 2006
AGENDA DO COMANDO NACIONAL DE GREVE – 03/05/2006
3 de maio de 2006
Paulo Ricardo Santos Nunes, gerente-geral da Anvisa para Vigilância Sanitária de Portos, Aeroportos e Fronteiras da Anvisa, declarou em Brasília que considera os sindicalistas da Fenaspes intransigentes porque mantêm a paralisação. Adiantou que quinta-feira foi instalada a mesa de negociação com os representantes da categoria, que concordaram com a proposta do governo de abrir uma mesa de negociação. Todos os trabalhadores sob a liderança do Sinagências estão retornando ao trabalho.
 
Ainda estão parados os servidores dos portos de Santos e Itajaí e dos estados de Alagoas e Bahia. Segundo Nunes, o governo não vai oferecer nada. Mas preencherá junto à categoria a pauta de reivindicação, o que for viável dentro do Orçamento. A discussão vai ser na quarta-feira.
 
Ele acrescentou que a Anvisa, independentemente de a categoria se manter em greve, está montando uma força-tarefa para trabalhar neste sábado, amanhã e no feriado na liberação de matérias-primas e de produtos retidos em Santos. Embora tenham ocorrido indicações na imprensa de que os servidores não liberaram produtos essenciais para saúde pública, como os kits de diagnósticos para aids e dengue, Nunes declarou dizer que os medicamentos sempre foram liberados. (das agências)

 
Fonte: Jornal O POVO

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato