fbpx

CCJ da Câmara dos Deputados aprova PEC que amplia idade de Aposentadoria no Serviço Público

PROJETO APROVADO NA CCJ PREVÊ QUE SÓ SERVIDORES CONCURSADOS OCUPEM CARGOS DE CONFIANÇA NA ADMINISTRAÇÃO FEDERAL
24 de outubro de 2005
GOVERNO AJUÍZA AÇÃO CONTRA AUMENTO DOS SERVIDORES DO LEGISLATIVO
24 de outubro de 2005

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou ontem a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 457/05, que amplia de 70 para 75 anos o limite de idade para aposentadoria compulsória de ministros do Supremo Tribunal Federal, de tribunais superiores e do Tribunal de Contas da União (TCU). O limite também se aplica aos servidores públicos, mas nesse caso a aposentadoria aos 75 anos dependerá da aprovação de lei complementar específica que regule esse direito.

O texto foi relatado pelo deputado Darci Coelho (PP-TO), que apresentou parecer pela constitucionalidade. A proposta provocou intenso debate, por atinge diretamente 70 ministros que ocupam cargos em tribunais de última instância no País.

A PEC é originária do Senado e foi intensamente debatida na comissão antes de ir à votação. Na semana passada, foi realizada uma audiência pública para discutir o novo limite de aposentadoria, que contou com a participação, entre outros convidados, do presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Edson Vidigal.

A proposta será encaminhada agora para análise de uma comissão especial. Nessa fase, a matéria poderá receber emendas dos deputados. Se o texto for aprovado, será encaminhado ainda para votação em dois turnos pelo Plenário.

Fonte: Câmara

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato