segunda-feira, novembro 12

PLATAFORMA POLÍTICA

A Chapa Unidade na Regulação foi empossada e assumiu a Gestão do Sinagências para o triênio 2017/2020, a partir do dia 06 de julho de 2017. Em sua plataforma política para estar à frente do Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SINAGÊNCIAS), os atuais membros da Diretoria Executiva Nacional (DEN) propuseram à época as ações abaixo e reitera que durante todo o tempo em que estiver na direção sindical este processo continuará a ser defendido objetivando a defesa de Regulação Nacional Forte.

PLATAFORMA POLÍTICA

• A chapa “Unidade na Regulação” promete lutar para manter a unidade contra qualquer entidade que queira fracionar a categoria da regulação;

• Lutar para que as Agências Reguladoras sejam reconhecidas como entidades permanentes na sociedade de mercado e defender a pauta atual de negociação do Sindicato (equiparação com o ciclo de gestão, mudança de requisito de ingresso para os cargos de nível médio; manutenção das bandeiras históricas, além de melhorias na qualidade de vida e na segurança do servidor);

• Defender a autonomia técnica nas Agências e trabalhar institucionalmente pela reserva de cargos de Direção para servidores da categoria;

• Fomentar a Frente Parlamentar da Regulação Nacional, a criação da Escola Nacional de Regulação e do Conselho Nacional da Regulação.

• Exercitar a comunicação direta, ida às baias dos servidores, exercitar o ouvir;

• Criar filial do Sindicato com objetivo de descentralizar;

• Dar Publicidade a todos os filiados, de todas as decisões da Diretoria Executiva Nacional;

• Instituir os representantes de base em cada unidade de lotação pelo país;

• Criar um atendimento jurídico nacional virtual;

• Implementar reuniões da Diretoria Executiva Nacional abertas nas redes sociais com filiados;

• Alterar/reformular a identidade visual da logomarca, informes institucionais e do site do sindicato na internet;

• Criação de um aplicativo para telefones móveis, com a finalidade de facilitar e informar aos filiados o andamento dos processos jurídicos, com informativos, notificações à cerca de eventos, convênios, mobilizações, etc.;

• Criar o programa “o Presidente Informa”;

• Participar do programa pró-etica da CGU e criar um departamento de Compliance no Sindicato;

• Cumprir o Estatuto do Sindicato em especial quanto aos prazos de divulgação de balancetes, balanços e prestação de contas;

• Defesa Jurídica das prerrogativas dos cargos em todas as esferas jurídicas; • Lutar pelo Teletrabalho e a redução da jornada de trabalho em todas as Agências;

• Implementar um plano nacional de saúde para categoria;

• Elaborar uma política de convênios, mais objetiva, mais efetiva e mais abrangente.

• Lutar para que se possa consignar no salário, o aluguel;

• Implementar uma cultura de troca e compartilhamento na categoria com o objetivo de consumo sustentável;

• Criar câmaras temáticas de regulação para discussão e posicionamento diante de temas pertinentes à sociedade;

• Contratar uma assessoria parlamentar;

A atual gestão sente-se honrada pelo voto de confiança que nos colocou nesta posição e por representar os servidores que fazem a regulação nacional avançar neste país.