PEC EMERGENCIAL – Sinagências apresentará emenda pela redução de jornada de trabalho sendo facultativa e com permissão para exercício de outra atividade econômica para todos os servidores

Sinagências defenderá direitos dos filiados no Judiciário contra pontos divergentes na Reforma da Previdência. Ninguém ficará para trás! 
26 de dezembro de 2019
ANVISA – Mensagem no DOU tem indicação de nomes para diretoria colegiada
9 de janeiro de 2020

O Sinagências apresentará emenda ao texto da PEC emergencial, a partir de parlamentares, defendendo que a redução de jornada seja facultativa ao servidor e com permissão para exercício de outra atividade econômica para todos os servidores, desde que não haja impedimento ético.

O Sinagências assim como em outras situações exitosas, a exemplo a aprovação do PL das Agências Reguladoras  (maio de 2019), aprovação da criação da ANM (dezembro de 2017), convencimento contrário do que era divulgado na imprensa  como a extinção da Ancine (julho de 2019) e possível fusão da ANTT e ANTAQ (abril 2019) está confiante que a vitória é certa e continuará não medindo esforços pela defesa de seus filiados.

Por fim, a entidade através de seu departamento jurídico monitora o andamento do texto que no momento está na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Ascom/Sinagências

Os comentários estão encerrados.