Sinagências passa a integrar o Movimento Acorda Sociedade (MAS)

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

O presidente do Sinagências, Alexnaldo Queiroz, recebeu na tarde desta segunda-feira (15), na sede do Sindicato em Brasília, o coordenador geral do Movimento Acorda Sociedade (MAS), Clodoaldo Nery Júnior, em agenda institucional.

Na pauta da reunião, o coordenador do movimento veio convidar o Sinagências para também integrar o MAS. Convite este que ao final da agenda foi aceito.

O Movimento Acorda Sociedade atualmente conta com 128 entidades, entre elas, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip), Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB), além de diversas entidades sindicais, associações e confederações.

Surgiu no início de 2017 como uma frente mobilizadora em busca de protagonismo na articulação institucional contra pautas que representam retrocessos para a sociedade brasileira.

O objetivo segundo o coordenador é a necessidade de agregar entidades com defesas e pautas semelhantes, a fim de alertar e denunciar tais perdas de direitos, bem como trabalhar na mobilização social para o debate nacional e desenvolvimento do país.

Algumas das pautas defendidas pela entidade e que conjugam também com o entendimento do Sindicato é a posição contrária à Proposta de Emenda Constitucional, PEC 287/2016, da Reforma da Previdência que atualmente tramita no Congresso Nacional, a defesa do princípio da confiança em matéria previdenciária (PEC 407/2018), a defesa da PEC 333/2017, que pede o fim do foro privilegiado,  a defesa da PEC 146/2018 que sugere alteração do art. 62 da Constituição Federal, a fim de vedar  edição de medida provisória que trate de matéria de Direito Previdenciário e Direito do Trabalho, entre outras.

Por fim, para o presidente do Sinagências, Alexnaldo Queiroz esta é uma iniciativa importante e a entidade participará ativamente, a fim de fortalecer as interlocuções institucionais entre as entidades integrantes e os poderes representados, pela defesa do funcionalismo público e consequentemente  da melhoria da prestação de serviços à sociedade.

Fonte : Ascom/Sinagências

 

Share.

Comentários desabilitados.

Entre em contato