fbpx
Nota à imprensa do Sinagências
17 de outubro de 2007
Ato Público reúne a categoria em frente ao Ministério do Planejamento
19 de outubro de 2007

Segundo a Assessoria de Imprensa da Anvisa, o médico irá ocupar uma das quatro diretorias de atuação que a agência possui

Publicado em 16/10/02 – às 19h23 – Formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Agnelo Queiroz é especialista em cirurgia geral e cirurgia torácica pelo Hospital de Base do Distrito Federal e possui título de pós-graduação em políticas públicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ, 2002). É médico cirurgião da Secretaria de Saúde do Distrito Federal desde 1987.

Na vida política, Agnelo, do PCdoB do Distrito Federal, foi deputado distrital constituinte de 1991 a 1994; exerceu três mandatos como deputado federal, de 1995 a 2007, e foi ministro no primeiro mandato do Presidente Lula.

Nova missão
Para Agnelo, o cargo que assume na Anvisa é “uma nova missão’, destacando a importância da agência para o país. ‘Ela é um grande instrumento de promoção e proteção da saúde da nossa população. A agência tem uma abrangência tão grande que representa um total de 25% do PIB nacional. Isso demonstra a dimensão e a responsabilidade da agência perante a sociedade”, falou Agnelo, durante a sabatina no Senado.

Agnelo disse ainda que quer muito mais para a agência. “Além de regular e fiscalizar – dotar as normas – é preciso também que a agência tenha um papel educativo e de mobilização da sociedade, porque através da educação nós temos um instrumento muito poderoso de defesa do cidadão”.

O desafio, segundo Agnelo, é no sentido de aperfeiçoar a ação e atividades da agência, sobretudo, a priorização do risco a saúde com referência ao planejamento e inspeção da vigilância sanitária. Outros pontos prioritários, citados por Agnelo, foram o fortalecimento do cidadão na relação de consumo e a busca de um equilíbrio regulatório das relações entre estado, consumidor e empreendedores econômicos.

Agnelo afirmou que toda experiência acumulada durante o período de vida pública e profissional o capacita para o cargo. “Me sinto preparado e, mais do que isso, motivado para dar minha contribuição ao meu país".

Fonte: Vermelho

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato