fbpx

Planejamento diz que reajuste de tíquete-alimentação deve ficar para 2013

Sinagências assina Manifesto em defesa dos direitos e conquistas dos trabalhadores
16 de março de 2012
Proposta contra contribuição previdenciária de inativo
18 de março de 2012

Em reunião com sindicatos de servidores federais, o secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, disse que reajustes de benefícios, como o do tíquete-alimentação, devem ficar para 2013. A informação foi passada pelos sindicatos presentes ao encontro. O Planejamento não comentou a reunião e informou que o assunto ainda está na mesa de negociações.

Mendonça, no entanto, se comprometeu a avaliar o estudo feito pela Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef) sobre os valores dos benefícios pagos aos servidores federais. Segundo o levantamento, o valor médio pago por uma refeição no país é de R$ 27. Considerando esse preço e multiplicando por 22 dias de trabalho, o valor mensal do tíquete deveria ser de R$ 594, uma diferença de 95% em relação aos atuais R$ 304 pagos aos servidores do Poder Executivo.

Na comparação entre os Três Poderes federais, essa quantia é a menor repassada aos servidores. O pessoal do Legislativo recebe R$ 740. O tíquete-alimentação dos funcionários do Poder Judiciário é de R$ 710.

Fonte: Jornal Extra – 17/03/2012

Nota da Diretoria de Comunicações

O reajuste de benefícios é um dos sete eixos da Campanha Salarial Unificada 2012 da qual o Sinagências está engajado – conheça mais sobre a campanha clicando aqui.

Sinagências, o Sindicato de todos!

 

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato