fbpx
Convite para festa de aniversário do Agnelo Queiroz
20 de novembro de 2008
Pobres, mas cobiçadas
21 de novembro de 2008

Para gestantes que pretendem viajar de avião, seguem algumas regras para que ocorra tudo bem na viagem:

TAM

Até o final da 35° semana (aproximadamente 7 meses e meio de gestação) para vôos TAM (JJ) e TAM Mercosul (PZ), não é necessária a apresentação de atestado médico.

 A partir da 36° semana (aproximadamente 8 meses) é obrigatória a apresentação de atestado médico, especificando data, trecho e tempo de vôo permitido.

No pós-parto, o embarque da mãe e do filho é permitido após o 8° dia de parto, com a apresentação do atestado médico especificando viagem aérea.

Atenção

O atestado médico deve ser emitido até no máximo 48 horas antes do embarque

Para viagens internacionais, a apresentação de um atestado médico é obrigatória a partir do 8º (oitavo) mês de gestação, até os 10 (dez) dias que antecedem o parto.A partir dos 10 (dez) dias que antecedem o parto não é permitido o embarque.

No Pós-Parto, o embarque da mãe e do fillho é permitido após o 8º dia do parto, com a apresentação de atestado médico especificando viagem aérea. Em vôos codeshare com American Airliners, o embarque é autorizado após avalização de uma junta médica desta empresa aérea.

GOL / VARIG

Gestantes até a 27ª semana de gestação (aproximadamente 6 meses de gestação) deverão preencher Declaração de Responsabilidade fornecida pela Empresa.

Gestantes entre a 28ª e 35ª semana de Gestação (aproximadamente 7 a 8 meses) deverão preencher a Declaração de Responsabilidade e apresentar Atestado Médico autorizando a viagem em avião.

Gestantes entre a 36ª e 39ª semana de Gestação (9 meses) deverão estar acompanhada de médico responsável.

Gestantes com 40 semanas ou mais de gestação (9 meses completos) não poderão embarcar, salvo inevitável necessidade e acompanhadas por um médico obstetra.

O atestado deve ser emitido até uma semana que anteceda o embarque.

Mesmo com autorização médica, as grávidas não devem viajar sete dias antes ou sete dias depois do parto. Também não é indicado que recém-nascidos embarquem na primeira semana de vida.

Gestantes de parto múltiplos (gêmeos) deverão estar acompanhadas do Médico Responsável a partir da 32ª semana, antes deste período só poderão viajar mediante apresentação de atestado médico.

40 semanas de gestação equivalem a aproximadamente 9 meses. Recém-nascidos só poderão viajar após completar 1 semana de vida.

O tempo de gestação é considerado na data de embarque e não na data de reserva ou compra da passagem.

Não será permitida a viagem aérea para Clientes grávidas durante os sete dias que antecedem a data prevista para a realização do parto ou Clientes durante os sete dias posteriores à data de nascimento.

Não será permitida a viagem aérea de recém-nascidos, mesmo com boa saúde, durante os sete dias posteriores ao nascimento, valendo ressaltar que os bebês prematuros serão considerados como casos médicos.

Dica para a Gestante GOL/VARIG: A Empresa aconselha às gestantes que requisitem um assento onde há uma melhor circulação de ar, desta forma, algumas gestantes preferem ficar no corredor para facilitar o percurso até o lavatório.

Fonte: TAM, GOL/VARIG

Sinagências, o Sindicato de todos!
Contribua para o futuro da categoria, clique aqui e filie-se ao Sinagências

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato