fbpx

Comando Permanente de Mobilização e Anvisa fecham acordo sobre plano de reposição

Reunião com os Servidores da ANAC/DF
10 de setembro de 2012
Comando Permanente de Mobilização e Anatel se reúnem
11 de setembro de 2012

O Comando Permanente de Mobilização e a Anvisa formalizaram na tarde desta segunda-feira (10/9) o acordo sobre o plano de reposição dos dias parados.

Em reunião na semana passada, as negociações entre as instituições evoluíram. Isso porque o diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, havia dito que o ideal seria pensar na reposição integral das horas. Para isso, propôs um adicional diário (de duas horas, por exemplo) e trabalho em determinados sábados (oito horas) na sede e nas unidades da Anvisa nos portos e aeroportos.

O presidente do Sinâgencias, João Maria Medeiros de Oliveira, argumentou que o grande desafio é entender que existem outras possibilidades, dada a autonomia do órgão. "Lideranças sindicais e institucionais podem construir uma alternativa e fazer a Anvisa avançar de forma histórica", disse.

Vários questionamentos foram feitos e a conversa evoluiu para a reposição com vistas ao trabalho e não apenas em função das horas paradas.

Assim, o acordo firmado prevê a possibilidade de atrelar todas as horas devidas ao atendimento prioritário da demanda represada no perído da greve e do cumprimento de metas a serem alcançadas nas áreas que historicamente apresentam dificuldades diversas frente à demanda recebida, que funcionará como mecanismo – um "gatilho" – de quitação dessas horas.

O Sinagências está levando esta mesma discussão às demais Agências e DNPM.

Além de dirigentes do Sinagências, participaram da reunião de hoje representantes da Fenasps e Univisa, com a presença da CUT na reunião passada.

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato