fbpx
Comando de Greve de São Paulo – Suspensão Temporária dos Atos Agendados
26 de agosto de 2012
P A R T I C I P E – Assembleia Informatiava hoje (27/8), às 15h, em Brasília
27 de agosto de 2012

Àqueles que perseverarem fica reservada a vitória

(José Maria da Costa – Comitê de Mobilização da Anatel)

Nesta reta final, quando o cansaço e a ausência de colegas no movimento tende a nos desanimar, quando a dúvida vem nos incomodar e, sobretudo, quando a deserção de bravos companheiros começa a acontecer, bom lembrarmos o gesto do conquistador espanhol, Hernán Cortez, que após ter aportado no país dos astecas e frente a ameaça de motim de seus comandados, disse "todo homem medroso volte embarcado para Cuba", donde havia saído para a expedição. Para impedir que seus soldados, também poucos para tamanho desafio que os esperava, naquela mesma noite ele ateou fogo nos navios. Não havia modo de voltar atrás. Como consequência, aqueles poucos soldados empreenderam a conquista do México.

Nesta altura de nossa campanha, cujos dados da adesão são monitorados e usados diariamente pelo insensível e inflexível governo, convido a todos os que ainda não abraçaram o desafio de nossas conquistas ou que compreensivelmente se cansaram no caminho, que assumam ou reassumam o pacto com a decisão tomada em dado momento, nem que seja no sagrado silêncio da consciência.

Todos sabemos que quanto mais exigentes são nossas decisões, mais aumenta a vontade de desistir ou nunca sair de nossa zona de conforto, mas se "queimarmos os navios", ou seja, se de alguma forma cortarmos o vínculo com o passado e focarmos apenas no presente e na perspectiva de futuro que queremos, só existirão duas alternativas: Perder tudo… ou vencer.

Perder tudo assusta muita gente e as deixa paralisadas, porém, não podemos esquecer que esta é apenas uma das possibilidades, a qual através de um planejamento de ação, que temos e está sendo implementado, pode ser reduzida de forma significativa; por outro lado, a outra é VENCER!

Convém registrar que, neste momento de fechamento de campanha, precisamos usar toda a munição que temos. Afinal, após quase quarenta dias de luta em prol do subsídio, carreira de Estado, paridade entre nossas tabelas remuneratórias com as do Ciclo de Gestão, isonomia remuneratória entre servidores que realizam as mesmas atividades, incluindo pessoal Efetivo e Específico, e crescimento do percentual de correlação dos cargos de nível intermediário e superior, não dá para na reta final deixar algo para depois. Ainda mais que esse depois pode soar mais quatro anos de espera. É a hora do sprint de chegada, de usar o gás que ainda nos resta para cruzar a linha na frente.

Tomara os que ainda não estão correndo e os que deram uma paradinha para respirar venham finalizar a maratona conosco. Saiba que serão bem recebidos.

Ao "queimar os navios" já teremos percorrido mais da metade do caminho rumo à vitória.

Esta luta é também da sua conta e contamos com você.

"Não lhe disseram que era impossível e ele foi lá e fez…"

Os comentários estão encerrados.

LOGIN
WhatsApp Entre em contato